Não planeje apenas seu ano, mas sim seus objetivos

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

“Em certos momentos, os homens são donos dos seus próprios destinos. ”

William Shakespeare

E acabou o ano, e com isso um novo recomeço.

Esse é o momento em que muitos querem fazer seus planos para o novo ano que se inicia.

Pois é, e nessa hora que várias perguntas surgem:

  • Por onde começar?
  • O que devo fazer esse ano?
  • Qual caminho seguir?

 

E com isso também existe a maior queixa:  Ahh não tenho tempo pra isso ou pra aquilo outro…

Não consigo estudar, fazer inglês, academia, etc., pois não tenho tempo.

 

Bom não preciso mais bater na tecla que tempo é uma questão de prioridade. Acho que já sabem né!! Todo livro fala isso.

Bom, o ponto é que ouvimos isso, mas não seguimos. E por isso sempre os mesmos problemas estão presentes.

 

Então, deixo aqui algumas dicas destinadas para quem está, de alguma forma, tentando se organizar.

 

  • Em primeiro lugar, tenha em mente seus objetivos de vida. Isto é imprescindível!!                              Onde e como você quer estar em alguns anos, seja na sua carreira ou na vida pessoal é a chave para que você possa traçar sua rota nesta estrada.

 

  • Não faça planos apenas para o ano que se inicia. Mas sim, visualize um caminho que queria trilhar para os próximos anos.

 

  • Faça uma relação de suas rotinas diárias e o tempo que eles lhe tomam. Coloque em uma planilha, papel ou quadro com vários post-it.

 

  • Diante disto, veja quais são as atividades que tem feito e defina suas prioridades. E como isso??      Dentre as atividades, marque as essenciais e importantes para você. São aquelas que estão ligadas de alguma forma a seu plano de vida. Muitas vezes fazemos muitas coisas que a sociedade nos impõe como se fosse regras, ou então que apenas agradam outras pessoas, e que não contribuem com nosso crescimento. Nessa hora isso precisa aparecer. A pergunta essencial é: Quais destas atividades estão contribuindo para alcançar meu objetivo?                                                                                                    Você precisa conseguir ter a clareza desse cenário, e classificar cada uma das atividades listadas anteriormente, entendendo de que maneira elas contribuem ou não ao seu objetivo.

 

Ao fazer essa reflexão, você verá que muitas coisas que fazemos no dia-a-dia rodam no piloto automático, e nem nos damos conta que gastamos nosso precioso tempo com isso. Atividades já desconectadas do nosso objetivo, mas que fazemos apenas para concluir, mas que não recebem nem nossa dedicação. Servem então para o que??

Pra te tirar do seu propósito!! Só pra isso!!

Se definir seu objetivo e entender seu propósito, a cada nova atividade, será automático fazer um filtro e definir a importância e alinhamento com este objetivo.

Ao tomar a decisão de fazer ou não essa atividade, você fará uma escolha, e cada escolha envolve abrir mão de uma coisa em detrimento de outra.

Então pense bem….. Defina bem seu objetivo pois quando entender seus propósitos, as suas escolhas devem ser direcionadas a isso. Isso chama-se FOCO!!

1,505 total views, 2 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *